quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Para Ler: Melancia - Marian Keyes


Foi demais da conta para Claire o dia do nascimento da sua filha. Ao acordar no quarto do hospital depara com o marido olhando-a na cama. Deduzindo tratar-se de algum tipo de sinal de respeito, ela nem suspeita de que ele soltará a notícia da sua iminente separação: “Ouça, Claire, lamento muito, ms encontrei outra pessoa e vou ficar com ela. Desculpe quanto ao bebê e todo o resto, deixar você desse jeito...” Em seguida, dá meia-volta e deixa rapidamente o quarto. Defato, ele sai quase correndo.
Com 29 anos, uma filha recém-nascida nos braços e um marido que acabou de confessar um caso de mais de seis meses com a vizinha também casada, Claire se resume a um coração partido, um corpo inteiramente redondo, aparentando uma melancia, e os efeitos colaterais da gravidez, como, digamos, um canal de nascimento dez vezes maior que seu tamanho normal!
Não tendo nada melhor em vista, Claire volta a morar com sua excêntrica família: duas irmãs, uma delas obcecada pelo oculto, e a outra, uma demolidora de corações; uma mãe viciada em telenovelas e com fobia de cozinha; e um pai à beira de um ataque de nervos. Depois de muitos dias em depressão, bebedeira e choro, Claire decide avaliar os prós e contras de um casamento de três anos. E começa a se sentir melhor. Aliás, bem melhor. É justamente nesse momento que James, seu ex-marido, reaparece, para convence-la a assumir a culpa por tê-lo jogado nos braços de outra mulher. Claire irá recebê-lo, mas lhe reservará uma bela surpresa.

Opinião de leitora: Li em uma semana, e dos livros que já li da Marian - Férias!, Sushi e agora Melancia, não decidi se o meu preferido é o Férias! ou o Melancia. O Sushi como eu já disse, é um pouco cansativo. O Melancia é bem objetivo - talvez por isso seja menor - e sem rodeios, não tem nada de cansativo e dá vontade de terminar o livro logo para descobrir o final.
É o livro direcionado para o tipo de garota insegura, podendo ajudar várias meninas a superar perdas, mostrando que não é impossível dar a volta por cima e voltar a ser feliz. Adorei!


Trechos do Livro

"- Psiu, Helen - repreendeu-a mamãe. - O bebê é de Claire.
- Você sempre nos disse que tinhamos de partilhar os nossos brinquedos - disse Helen, emburrada."

"O sorriso de uma mulher cujo marido, nos últimos 15 anos, vem passando o aspirador de pó na casa."

"Desculpem a metáfora sanguinolenta, mas, se estão serrando a perna de uma pessoa com uma serra de arco enferrujada, ela não se consola com o fato de que a pessoa na cela ao lado está sendo pregada numa mesa a marteladas."

"Ah, como eu desejava que minha irmã Anna ainda traficasse drogas."

"Anna adora tudo que tem a ver com ocultismo. Não havia nada de que ela mais gostasse do que ser possuída pelo demônio."

"Passava cerca de meia hora tentando reunir energia para ir ao banheiro."

"Bem, eu estava grande e gorda, isto era um fato. Muito parecida com uma melancia."

"Eu tinha apetite - que coisa fora de moda e vergonhosa."

"Derperdiçávamos tanto tempo, torturando-nos e preocupando com o tamanho do nosso bumbum."

"Sentindo-me um tanto tola (mas não tão tola, afinal, eu tinha meia garrafa de vodca ali perto)..."

"Tinha uma família que me amava. Ou, pelo menos, tinha certeza de que voltaria a me amar, assim que eu parasse de me comportar como um anticristo."

"Helen, isso não é um caroço em seu seio, é seu seio propriamente dito."

"Meu lema era: Sempre deixe para amanhã o que está programado para hoje. E se puder evitar fazer isso até a próxima semana, então ainda melhor."

"Mas meu senso de hospitalidade diminui em proporção direta ao número de copos de vinho que tomo."

"- Claire, pelo amor de Deus! Como vou explicar a seu pai que as cuecas dele estão na cômoda de Anna?"

"Helen ainda falava sobre ser sequestrada. Meu coração confrageou-se de pena do imaginário sequestrador."

"Eu poderia, com a maior felicidade, ter ido para a cozinha, me encharcado toda de gasolina e me incendiado, de tão zangada que fiquei."


Normalmente escuto músicas durante a leitura, mas não foi esse o caso do Melancia. Então se você já leu e conhece uma música bem parecida com o contexto do livro, é só deixar o nome nos comentários. Ficarei extremamente agradecida!


Comprar na Saraiva - Download no 4shared


Confira outros livros de Marian Keyes: Sushi, Férias!, Casório?!, É Agora... Ou Nunca, Los Angeles, Um Bestseller pra Chamar de Meu, Tem Alguém Aí?!, Cheio de Charme e A Estrela Mais Brilhante do Céu

4 comentários:

  1. Amei a sinopse do livro,acho que a história prende o leitor!
    Vou dar um jeitinho de ler.
    http://blogtrashrock.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. nao conhecia esse livro! gostei, parece ser super divertido!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sério Camille? É bem famoso, quase todo mundo conhece!

      Excluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...